Feirão de imóveis disponibiliza contador para fazer declaração de imposto de renda

0
438
Foto: Divulgação

Mais de um terço das pessoas que ainda não possuem casa própria em Goiás (31,3%) trabalham por conta própria. Os dados são da última pesquisa sobre o déficit habitacional no Estado, medido pelo Instituto Mauro Borges (IMB) e apontam para a necessidade da declaração do Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF), para se ter acesso ao financiamento habitacional e ao programa Minha Casa Minha Vida (MCMV). Sem o documento, os bancos não liberam o empréstimo e, além disso, o momento de acerto de contas com o Leão sem multa está próximo de vencer: 30 de abril.

Para ajudar os consumidores que trabalham por conta própria a buscar o crédito no MCMV, a construtora MRV Engenharia realiza neste sábado (13/04), a partir das 8h, mais um feirão de imóveis em Goiânia e Anápolis, oferecendo nestas cidades o serviço de contadores, que irão fazer a declaração do IR 2019. O serviço será voltado aos trabalhadores interessados em fazer a aquisição do imóvel.

De acordo com o gestor regional da empresa, Fernando Salomão, existem muitos trabalhadores que atuam por conta própria que têm capacidade financeira mas não se preocupam com essa formalização da renda. “De cada três clientes que atendemos, um está nessa situação”, diz. No Brasil, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), são 37,3 milhões de pessoas trabalhando sem carteira assinada, o que representa 40,8% da força de trabalho.

“Por isso, queremos eliminar esse impeditivo para quem tem condições para adquirir a casa própria, mas não comprova renda”, diz. Durante o feirão, o interessado deve apresentar documentos pessoais, RG, CPF e comprovante de endereço, e também os extratos bancários que comprovem a movimentação financeira realizada durante o ano de 2018. Também são necessários os documentos que o profissional autônomo costuma entregar aos clientes como forma de comprovação do serviço realizado, tais como recibos e contratos.

“Se por acaso o trabalhador autônomo não emite algum desses documentos para o cliente, fica ainda mais importante e necessário levar os extratos e informes bancários”, destaca a contadora Claudiana Lina, ao lembrar que o prazo para enviar a declaração do IRPF termina no próximo dia 30 de abril. Com toda a documentação reunida, o tempo médio para fazer e enviar a declaração do IRPF é de 20 minutos.

Outras facilidades
A prestação do serviço de contabilidade para fazer a declaração do IR ocorrerá durante o feirão de imóveis “Deu a louca na MRV”. No evento, a companhia irá comercializar apartamentos econômicos de dois quartos em residenciais nas cidades de Goiânia, Anápolis e Aparecida de Goiânia. Para facilitar ainda mais a aquisição dos imóveis, a construtora dará descontos de até R$ 4 mil e aceitará sinal a partir de apenas R$ 499. No feirão, a MRV também vai pagar a escritura dos apartamentos, que custam geralmente R$ 4 mil. Segundo o gestor regional de vendas da MRV em Goiás, Fernando Salomão, a aprovação do financiamento será feita na hora, durante o feirão, para o cliente já sair com o apê comprado.

Em Goiânia, os clientes poderão adquirir apartamentos nos residenciais Gran Vitta, no Setor Progresso; Parque Gran Royalle, Gran Canária, e Gran Laguna, no Morada do Sol; Gran Atlanta, no Jardim Novo Mundo; Gran Palace, no Faiçalville; e Parque Gran Rio e Parque Gran Milano, no Setor Moinho dos Ventos. Em Aparecida, as opções da MRV para este feirão são o Parque Gran Splendore, no Parque Imperial; Parque Gran Cielo, na Chácara Bela Vista; e Parque Gran América, na Região Central. Já para Anápolis, a construtora comercializará imóveis no empreendimento Arcos do Campo, na Vila Jaiara; e Arcos da Serra, no Jardim Alexandrina.

Déficit habitacional
Em 2018, o déficit habitacional atingia a 156.159 famílias, correspondendo a 429.759 pessoas em Goiás. Segundo levantamento do Instituto Mauro Borges (IMB), ligado à Secretaria Estadual de Gestão e Planejamento, o aluguel é a alternativa adotada em Goiás por 74,38% das famílias enquadradas na situação de déficit habitacional.

Apesar do quadro, houve redução do déficit habitacional em 6,3%. Foram 27 mil goianos que conquistaram a primeira moradia entre 2017 e 2018. No mesmo período, a MRV vendeu e entregou as chaves da casa própria para mais de 1.600 famílias em Goiás. “Em 2018, 97% de todas as unidades habitacionais que vendemos em Goiás foi a primeira moradia das famílias. Neste ano, queremos vender um número superior a dois mil apartamentos”, conta Fernando Salomão.

SERVIÇO
Feirão da casa própria – Deu a louca na MRV
Dia: 13 de abril (sábado)
Horário: a partir das 8h
Onde: plantão de vendas da MRV
Em Goiânia – Rua MDV 3, nº 10, Moinho dos Ventos
Em Anápolis – Rua Itaberaí, Vila Jaiara

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here