Zacharias Calil emociona deputados com vídeo sobre gêmeos siameses

0
759

Durante reunião da Comissão de Seguridade Social e Família, na Câmara dos Deputados, em Brasília, o deputado federal Dr. Zacharias Calil apresentou um vídeo produzido pela Discovery Channel sobre um dos 18 casos de separação de gêmeos siameses realizado pela equipe médica que atua no Hospital Materno Infantil (HMI), localizado na capital de Goiás.

Antes de iniciar o vídeo, Zacharias Calil destacou que as cirurgias executadas em Goiânia são reconhecidas mundialmente. “A Discovery Channel fez uma matéria conosco em Goiás, eles ficaram três meses com a gente, acompanhando o nosso trabalho. E no mês passado eu fui surpreendido com essa matéria, que foi divulgada a nível mundial, o trabalho da medicina brasileira”, disse.

O deputado federal também explicou brevemente sobre o caso de Heitor Brandão e Arthur, que nasceram unidos pelo tórax, abdômen e pela bacia. “Eles tinham três pernas, compartilhavam parte do tórax, fígado, intestino delgado, intestino grosso, a mesma bexiga, a mesma genitália e só tinham três rins”, e completou: “Me envolvi muito emocionalmente com essa família, porque eu os conheci desde o nascimento”.

Com lágrimas nos olhos, um dos membros da Comissão, o deputado Dr. Luiz Antônio Teixeira Júnior, conhecido também como Dr. Luizinho, elogiou o trabalho do Dr. Zacharias. “Quero parabenizar aqui o Calil que só nos engrandece com sua presença, com sua expertise internacional, e mostrar um caso desse para a gente aqui, só quem tem filho com problema de saúde sabe o que é e a expectativa dos pais. Só quem vê uma história dessa, pelo que os pais passaram… É um história muito bonita”.

Além disso, Luizinho salientou o papel do Congresso Nacional para a melhoria da saúde brasileira. “Acho que mostrar isso aqui reforça a nossa responsabilidade. Nós somos os principais legisladores do Brasil na área da Saúde, a nossa responsabilidade aqui é muito grande, porque somos nós que construímos a legislação para dar condições de grandes profissionais, como o Calil, para trabalhar”, concluiu.

Os gêmeos Heitor e Arthur vieram da Bahia para Goiânia e foram separados em 2015. No entanto, Arthur não resistiu ao procedimento e faleceu três dias após a separação. Hoje, Heitor está com 11 anos e vive com a família na Bahia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here