Eduardo Bolsonaro embarca para Washington com chanceler

0
471

O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) embarcou para Washington na noite desta quinta-feira (29), acompanhado do o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo. O deputado diz que “quem sabe dos detalhes da viagem é o ministro Ernesto”. Ele afirmou que estará ao lado do chanceler brasileiro agradecendo a atuação e postura dos Estados Unidos em favor do Brasil no G7, como deputado federal.

“Realmente o peso norte-americano dentro do G7 é essencial”, afirmou o congressista Eduardo, que também disse que “o pêndulo veio para o lado brasileiro por uma questão de justiça”, em referência à crise internacional provocada pelas queimadas na Amazônia.

Eduardo ainda criticou o presidente da França, Emmanuel Macron. De acordo com ele, o francês tentou tirar proveito político dos incêndios na mata brasileira:

“Infelizmente o que ficou certo já que a popularidade dele está em baixa , foi que o presidente Macron, quis usar a Amazônia para fins políticos, tentou fazer uma união dos franceses em torno de uma causa de Estado. Ou seja, uma causa suprapartidária. Mas acabou não tendo êxito em seu tento.”

O deputado já havia dado uma declaração semelhante, durante sessão da Comissão de Relações Exteriores da Câmara, colegiado do qual é presidente.

Sobre sua indicação ao cargo de embaixador do Brasil em Washington, o congressista repetiu que já teve o apoio dos Estados Unidos e que agora o assunto precisa ser tratado com os senadores.

“Os senadores é que vão decidir se eu vou ou não para a embaixada americana”, disse o deputado, que acrescentou ter uma boa relação com a Casa Branca.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here