Cmei cria Mamoteca para receber mães em fase de amamentação

0
260
Fotos: Arquivos do Cmei

Amamentação é um direito garantido por lei. Pensando nisso, o Centro Municipal de Educação Infantil Village Atalaia, criou um espaço especial para esse momento. A “Mamoteca”, um ambiente de amamentação e leitura. Um espaço acolhedor a fim de assegurar o aleitamento dos bebês, enquanto as mamães e papais que acompanham essa fase, podem fazer leituras e até uma troca de experiências.

Segundo a Unicef, todas as mães têm o direito de amamentar seus filhos. No trabalho, em casa e até quando estão privadas de liberdade, elas têm direito a alimentar o seu filho no peito. O aleitamento materno é também um direito da criança. Segundo o artigo 9º do Estatuto da Criança e do Adolescente, é dever do governo, das instituições e dos empregadores garantir condições propícias ao aleitamento materno.

A Mamoteca é um incentivo para as mães que tem a disponibilidade de irem até o Cmei amamentar os bebês na fase de amamentação. Segundo a diretora Sandra Ramos, esse espaço foi pensado com muito carinho para garantir tranquilidade a esse momento tão importante e também com intuito de incentivar. “É um espaço que os pais aproveitam bastante, estamos sempre renovando, com livros, brinquedos, ficou bem atrativo e acolhedor”, conclui.

Amamentação garante saúde ao bebê e à mãe. Bebês que são amamentados ficam menos doentes e são mais bem nutridos do que aqueles que ingerem qualquer outro tipo de alimento. O leite materno já contém a água de que o bebê necessita, mesmo em locais muito quentes. Quando recebe só leite materno, não precisa consumir chá, sucos ou água. O leite materno tem tudo de que o bebê precisa até o sexto mês de vida.

Segunda Semana do bebê

Na próxima quarta-feira, 11, a Secretaria Municipal de Educação e Esporte (SME), em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), dá início à Segunda Semana do Bebê de Goiânia. A equipe de nutricionistas da Gerência do Programa de Alimentação Educacional (Gerpae) foi convidada a participar com palestras para os pais sobre o Aleitamento Materno e Introdução Alimentar/Alimentação Complementar, a ser desenvolvida em dez unidades educacionais no período de outubro a novembro.

Com o objetivo de divulgar a importância do aleitamento materno até os dois anos de idade, que deve ser exclusivo até os seis meses. E também sobre a importância da introdução adequada da alimentação complementar a partir dos seis meses de vida. Tais recomendações são advindas do Ministério da Saúde.

Durante as palestras também será abordada a adequação dos Cmei ao incentivo do aleitamento materno. As unidades receberam no primeiro semestre uma orientação da equipe de nutricionistas da Gerpae, chamada Oferta de Leite Materno nas instituições educacionais municipais e conveniadas que atendem crianças de quatro meses a dois anos. O documento é baseado no material técnico do Ministério da Saúde que incentiva o aleitamento materno nas unidades que atendem crianças na faixa etária de creche.

A nutricionista da Gerpae, Nágila Araújo, destaca a importância da amamentação. “Essa fase da vida é muito importante em todos os sentidos e com a alimentação não é diferente. Precisamos dedicar uma atenção especial a esses serezinhos que estão em um período de grandes mudanças e adaptações. Aprender a comer ‘comida de verdade’ é necessário, especialmente nessa faixa etária”, afirma.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here