Obras da Avenida Jamel Cecílio geram 10 km de engarrafamento em regiões vizinhas

0
323

No primeiro dia útil em que os motoristas de Goiânia usam as rotas oficiais para desviar da construção de um viaduto que ligará as avenidas Jamel Cecílio e 136, o congestionamento chegou a 10 quilômetros de extensão do ponto original do desvio. Motoristas relataram perder entre 40 minutos e uma hora parados no percurso que levariam normalmente cinco minutos. A lentidão atingiu moradores de regiões vizinhas à obra, como os setores Marista, Oeste e Bueno.

A Secretaria Municipal de Trânsito de Goiânia (SMT) enviou 40 agentes ao local para monitorar os focos de engarrafamento, como a situação já era prevista. Os agentes estão autorizados a modificar as rotas de tráfego para contribuir com a redução dos pontos mais críticos.

O local do desvio é considerado o ponto de maior conflito em Goiânia. As três avenidas de interseções, Leopoldo de Bulhões, Jamel Cecílio e Marginal Botafogo, recebem diariamente 60 mil veículos, que podem acumular quase 100 mil devido a baixa fluidez do trânsito. “Os desvios são de ruas com menor capacidade de tráfego, por isso separamos seis. A gente já esperava esse transtorno porque as pessoas estão conhecendo os desvios hoje”, explica o secretário da SMT, Fernando Santana, que reafirma que o trânsito está lento, mas fluindo, a algo em torno de 20 km/h.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here