Denúncias de focos de dengue terão prioridade em vistorias

0
342

A nova versão do aplicativo “Goiânia contra o Aedes” pretende agilizar tanto o envio das denúncias quanto a vistoria por parte dos agentes de endemias da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Com a atualização do app, foram reduzidos os campos obrigatórios para preenchimento. A partir de agora, quem quiser fazer uma denúncia não precisará se identificar ou colocar CPF.  Basta clicar no mapa de localização se tiver no local do foco ou colocar o endereço se tiver em outro local. Depois é preciso escolher entre as opções do tipo de denúncia. Fotos e vídeos, já existentes na versão anterior, foram mantidos e podem ser enviados com muita facilidade.

Além disso, um responsável fará o levantamento diário das denúncias e encaminhará para as equipes de endemias. As visitas também serão mais rápidas porque os distritos sanitários terão acesso direto às demandas que chegam ao aplicativo, o que agiliza as visitas aos locais apontados pelo cidadão.

O aplicativo apresenta pelo menos 10 tipos de denúncias sobre lotes, pneus, caixa d’agua, piscina, notificações de casos, imóveis abandonados e a opção “outros” com espaço para descrever detalhes da situação.

O app Goiânia contra o Aedes está disponível para os sistemas Android e IOS. O aplicativo foi proposto pelo Ministério Público, que vai acompanhar o encaminhamento das denúncias, e desenvolvido pela Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Saúde e Secretaria de Desenvolvimento e Tecnologia (Sedetec).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here