Cine Cultura estreia filmes brasileiros “Fernando” e “Açúcar” 

0
314

Nesta quinta-feira, 06, entram em cartaz, no Cine Cultura, o documentário “Fernando”, dos diretores Igor Angelkorte, Julia Ariani e Paula Vilela, na sessão das 15h, e o drama “Açúcar”, dirigido por Renata Pinheiro e Sergio Oliveira, às 18h30. Na sessão das 16h30, permanece em cartaz “Ainda Temos a Imensidão da Noite”. Na sessão das 20h15, dois filmes revezam em sessões extras: do dia 06 ao dia 08 de fevereiro, o filme “Bacurau” e, de 09 a 12/02, o filme “Parasita”.

O Cine Cultura funciona no prédio do Centro Cultural Marietta Telles Machado, na Praça Cívica, com sessões de segunda a domingo, inclusive aos feriados. O ingresso da sala custa R$ 8 (inteira) e R$ 4 (meia), apenas em dinheiro. Todos pagam meia-entrada nas sessões de segunda-feira. A coordenação do cinema pede, gentilmente, que facilitem o troco e evitem cédulas altas, ajudando assim o trabalho de bilheteria.

Sinopses

1) FERNANDO (Brasil, 2019, 71 min, 12 anos, dir: Igor Angelkorte, Julia Ariani e Paula Vilela)

Fernando é um ator e professor de teatro que, aos 74 anos, é impelido a ser protagonista de si mesmo em uma experiência que borra as fronteiras entre o documental e o ficcional. Diante de um delicado problema no coração, ele segue uma ida repleta de amor pela arte, onde a educação surge como potente elemento transformador da realidade.

2) AINDA TEMOS A IMENSIDÃO DA NOITE (2019, Brasil, 98 min, 16 anos, dir: Gustavo Galvão)

Cansada de lutar por um lugar ao sol com sua banda de rock, onde é trompetista e vocalista, Karen decide ir embora de Brasília. Ela segue os passos do ex-parceiro de banda, Artur, que tenta a sorte em Berlim. O convite parte de Martin, amigo alemão com quem fecham um triângulo imprevisível. Meses depois, forçada a recomeçar em Brasília, Karen precisa entender o papel dela e o papel da arte na cidade que o avô ajudou a construir.

3) AÇÚCAR (2019, Brasil, 90 min, 14 anos, dir: Renata Pinheiro e Sérgio Oliveira)

Bethânia Wanderley (Maeve Jinkings) não gosta do cenário rural da Zona da Mata, mas precisa voltar ao lugar onde nasceu, um decadente engenho de cana-de-açúcar, para impedir que os antigos trabalhadores do canavial tomem conta das terras. Confrontada pelo líder da associação, Zé (José Maria Alvez), e Alessandra (Dandara de Morais), que passa a ser faxineira da casa para vigiar a sinhazinha, Bethânia terá que lidar com o seu passado e os seus preconceitos.

4) BACURAU (2019, Brasil, 131 min, 16 anos, dir: Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles)

Num futuro próximo, Bacurau, um povoado do sertão de Pernambuco, some misteriosamente do mapa.

5) PARASITA (2019, Coreia do Sul, 131 min, 16 anos, dir: Joon-ho Bong)

Todos os quatro membros da família Ki-taek estão desempregados, porém uma obra do acaso faz com que o filho adolescente comece a dar aulas privadas de inglês à rica família Park. Fascinados com o estilo de vida luxuoso, os quatro bolam um plano para se infiltrar nos afazeres da casa burguesa. É o início de uma série de acontecimentos incontroláveis dos quais ninguém sairá ileso.

Programação
15h00 – FERNANDO
16h30 – AINDA TEMOS A IMENSIDÃO DA NOITE
18h30 – AÇÚCAR
20h15 – De 06/02 a 08/02: BACURAU
20h15 – De 09/02 a 12/02: PARASITA

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here