Anápolis e Saneago assinam contrato de programa

0
202

O Governo de Goiás, por meio da Saneago, e a Prefeitura de Anápolis assinam nesta quinta-feira, 27, o contrato de programa para os serviços de saneamento básico no município para os próximos 30 anos.

O novo contrato prevê investimentos na ordem de R$ 600 milhões nos sistemas de água e esgotamento sanitário de Anápolis, sendo que mais de R$ 278 milhões serão investidos logo nos primeiros cinco anos de vigência do contrato. Parte desses investimentos já estão com os projetos prontos e em fase de licitação, como a ampliação da Estação de Tratamento de Água, interligação de 17 poços, e melhorias nas captações do Capivari e do Piancó, que ampliarão a vazão captada de 860 para 1.010 litros por segundo.

Estes investimentos serão realizados em todas as regiões da cidade e permitirão significativo aumento da capacidade de produção e reservação da água, além de promover a melhoria da distribuição, por meio de substituição e extensão de redes, e ampliação das ligações de abastecimento de água e de esgotamento sanitário, bem como maior eficiência ao processo de tratamento de todo o esgoto coletado em Anápolis.

O contrato de programa apresenta ao prestador dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário um plano de metas, com prazos definidos para investimentos, orientado pelo Plano Municipal de Saneamento Básico, elaborado pela prefeitura de Anápolis, visando à universalização dos serviços no município.

Fica definido, também, que a regulação, controle e a fiscalização dos serviços de abastecimento de água e de esgotamento sanitário, prestados no município, serão realizados pela Agência Goiana de Regulação – AGR.

Além dos investimentos diretos, o contrato estabelece que a Saneago vai promover repasses para o Fundo Municipal de Saneamento de Anápolis, num montante de R$ 59,8 milhões ao longo dos próximos 30 anos. A prefeitura, com estes recursos, poderá desenvolver outras ações relacionadas à melhoria do saneamento básico no município.

Ainda está prevista no contrato, a implantação, a médio prazo, de uma barragem para assegurar água tratada para a população por várias décadas a frente. Os estudos hidrológicos para definir o local onde será feito o barramento estão em fase de conclusão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here