Academias ao ar livre dos parques de Goiânia serão interditadas

0
439

Para prevenir o contágio e a propagação do Coronovírus, a Prefeitura de Goiânia, em conjunto com o Governo de Goiás, iniciará nesta quarta-feira, 8, o isolamento das academias ao ar livre localizadas nos parques da capital. Inicialmente, será dada ênfase àqueles que tem concentrado o maior índice de aglomeração de pessoas, como os Parques Flamboyant, no Jardim Goiás, Vaca Brava, no Setor Bueno, e Areião, no Setor Marista.

“Essa será uma ação conjunta dos órgãos municipais e estaduais de fiscalização e segurança que compõem o Gabinete de Gestão Integrada do Município (GGIM). Desde o mês de março, eles têm realizado várias ações conjuntas buscando cumprir os decretos estaduais e municipais de combate a pandemia do coronavírus”, explica a secretária municipal de Planejamento Urbano e Habitação, Zilma Percusor Campos Peixoto.

Atualmente, Goiânia conta com cerca de 42 parques distribuídos em várias regiões da capital, sendo que 17 deles possuem equipamentos de ginástica. Esses parques devem receber, a partir dessa quarta-feira, visitas de agentes da Guarda Civil Metropolitana, de auditores fiscais da Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Habitação (SEPLANH), e da Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO) para isolamento dos equipamentos.

“Sabemos da importância e da necessidade que muitos possuem de realizar exercícios físicos e que, com a determinação para fechamento das academias privadas, muitos têm buscado outros meios. Infelizmente estamos enfrentando um momento incomum e que coloca em risco a vida de toda a população e, por esse motivo tanto a gestão municipal quanto a estadual, estão tendo que tomar atitudes mais severas. O que todos temos que ter em mente é que essas atitudes tem um único fim, e que é o mais importante, o de resguardar nossa população e defender a vida de cada um”, destaca a secretária.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here