Estadualização dos hospitais goianos

0
299
Foto: Divulgação/TV Globo

O Governo de Goiás tem adotado medidas, como a abertura do Hospital de Luziânia que estava fechado e sua estadualização, assim como do Hospital de Itumbiara, com 200 leitos, e dos hospitais de Jataí, São Luiz de Montes Belos, Formosa e Porangatu. Além da construção do HCamp de Águas Lindas, esse último com estrutura transitória. Ismael Alexandrino, secretario da Saúde de Goiás, explica que as demais estruturas hospitalares ficarão como legado, no aspecto da regionalização da saúde, para a população.

Sobre a utilização, por parte do Governo do Estado, de dois hospitais de Goiânia que hoje estão em situação de falência, com autorização judicial, Ismael Alexandrino disse que o Hospital Santa Genoveva está bem mais deteriorado. Já o Lúcio Rebelo se encontra em melhor condição e seria a primeira opção. Entretanto, como a rede de saúde pública conta com cerca de mil leitos no momento, só se recorrerá a esses hospitais particulares em situação de falência se for necessário, salientou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here