Covid-19: Goiânia confirma 1133 casos da doença

0
191
Foto: REUTERS / Lindsey Wasson

Goiânia registrou 67 novos diagnósticos positivos para o novo agente coronavírus nas últimas 24 horas, de acordo com o Informe Epidemiológico divulgado nesta quarta-feira, 20, pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS). Com isso, a capital chegou a 1.133 casos confirmados da doença.

Segundo o relatório, neste mesmo período a cidade registrou duas mortes, chegando a 35 o número de óbitos pela infeção. Até agora, segundo o informe, 437 pessoas se recuperaram da doença. Outras 58 seguem em isolamento domiciliar enquanto 18 estão internadas.

O novo Informe Epidemiológico confirma também que a maioria dos casos está concentrada em jovens e adultos com idades entre 20 e 39 anos (42%) e 40 e 49 anos (35%). Dos pacientes internados pela doença na capital, 61% necessitaram de uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

Os sintomas mais comuns informados pelos pacientes investigados são tosse (63%), febre (54%), desconforto respiratório (35%), dor de garganta (29%) e dor de cabeça (28%).

Ações de enfrentamento

Desde o início da pandemia, a Prefeitura de Goiânia tem promovido ações para conter o avanço do novo coronavírus. No dia 13 de março deste ano o município decretou situação de Emergência em Saúde Pública. Em seguida, suspendeu as atividades com aglomeração de pessoas e o calendário letivo.

Ao mesmo tempo, instalou o Gabinete de Gestão de Crise COVID-19 e preparou a Maternidade Municipal Célia Câmara para receber pacientes infectados pelo novo coronavírus. Além disso, a gestão municipal iniciou um trabalho de fiscalização e determinou o escalonamento de horários para o início de expediente comercial. Confira abaixo os horários determinados para cada atividade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here