Oficializada a Secretaria da Retomada com posse e anúncio de ações

0
279
Fotos: Vinicius Schmidt

O governador Ronaldo Caiado assinou, nesta terça-feira, 4, o decreto que oficializa a Secretaria da Retomada, primeira estrutura de Estado no Brasil, com status de secretaria, voltada especificamente à recuperação da economia no pós-pandemia.

“A retomada não tem o objetivo da vaidade, mas de planejamento, com solidariedade e amor ao próximo. Nossa gestão é feita com espírito público, onde todos os homens e as mulheres que compõem o governo têm dois órgãos que funcionam entrelaçados, muito fortes: o cérebro e o coração. Diferentes de outros, que tinham o cérebro ligado ao seu próprio bolso”, frisou o governador que considera esta uma de suas maiores missões no decorrer de 1 ano e 7 meses de governo.

União, colaboração e integração serão os pilares que vão sustentar a Secretaria da Retomada, conforme colocou, instantes antes da posse o ex-subsecretário de Fomento e Competitividade da Secretaria de Indústria e Comércio (SIC), César Moura (foto), que a partir de agora será o responsável pela pasta.

“Desde o começo da pandemia, ficou claro para todos nós que a realidade mudaria de forma drástica e muito rápida, e não podemos ficar parados. Será nosso papel criar conexões, acelerar a retomada do Estado de Goiás. Vamos trabalhar para identificar oportunidades e firmar parcerias, com foco nas regiões mais afetadas”, detalhou.

Ações

O anúncio de criação da Secretaria da Retomada e a nomeação de César foram concomitantes a duas importantes ações. Uma delas, a destinação de R$ 4 milhões, via Secretaria da Agricultura à nova Pasta, para aquisição de produtos da agricultura familiar, em todo Estado, que serão destinados a instituições de caridade indicados pelo Gabinete de Políticas Sociais (GPS).

“É uma oportunidade imensa de celebrar a retomada da nossa Economia, mas também promover um importante trabalho que tem sido em prol do setor agropecuário de nosso Estado. A gente tem a convicção do papel importante para a retomada deste segmento, que gera emprego e renda nos 246 municípios, agregando com a industrialização”, destacou o secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), Antônio Carlos de Souza Lima Neto

Também foi assinado protocolo de intenções entre Governo de Goiás e a Ambev (multinacional do setor de bebidas) para fortalecimento da cadeia produtiva da mandioca. A empresa vai criar uma marca de cerveja goiana a partir da fécula da mandioca e, inicialmente, vai comprar a produção nas cidades de Cavalcante, Flores de Goiás e Posse, na Região Nordeste do Estado.

Entre as metas estabelecidas para a Secretaria da Retomada estão as de diminuir o impacto negativo causado pela pandemia do na economia goiana, tendo trabalhador goiano como foco, com ações de estímulo à criação de emprego, atividades econômicas e ao empreendedorismo. Parcerias com outras secretarias estaduais, empresas e autarquias do Estado de Goiás também estarão no escopo, a fim de acelerar a execução das iniciativas aprovadas, além de acompanhar o andamento dos projetos. trabalhar para avançar no crédito subsidiado do Fundo Constitucional do Centro-Oeste para obter capital de giro necessário para a sobrevivência das pequenas empresas.

A Secretaria da Retomada assumirá atribuições que eram das secretarias de Desenvolvimento Social (Seds), de Desenvolvimento Econômico e Inovação (Sedi), e de Indústria e Comércio (Sic), e que estão relacionadas especificamente à geração de emprego, renda e qualificação profissional. A Secretaria da Retomada não prevê mais custos à administração estadual, devido à reorganização de cargos, como o de superintendentes, diretores e gerentes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here