Vanderlan é indicado vice-presidente da Comissão de Assuntos Econômicos

0
374
Foto: Lindomar Gomes

O senador Vanderlan Cardoso (PSD-GO) foi escolhido nesta terça-feira (23) para ocupar a vice-presidência da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). A nova composição, que tem o senador Otto Alencar (PSD-BA) como presidente, vai comandar a CAE no biênio 2021-2023.

Vanderlan comentou a escolha e disse que está preparado para a nova missão no Senado Federal. “Divido essa alegria e responsabilidade com todos. Podem contar com meu esforço e dedicação. Acredito e vou trabalhar duro pela retomada da nossa economia”, disse o senador.

A Comissão de Assuntos Econômicos do Senado Federal tem 27 titulares e 27 suplentes em sua composição. Responsável por deliberar os projetos de lei que tratam de assuntos relacionados à economia do País, ela fiscaliza, discute e vota assuntos como os problemas econômicos do país, além de escolher as autoridades diretoras de instituições econômicas, como o Banco Central.

Além da CAE, Vanderlan integra outras nove Comissões. São elas:  Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT), Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI), Comissão Mista Temporária da Reforma Tributária, Comissão Mista destinada a acompanhar a situação fiscal e a execução orçamentária e financeira das medidas relacionadas ao coronavírus (Covid-19), Comissão Temporária para Reforma do Código Comercial (CTRCC) e Comissão de implantação do 5G no Brasil, além do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar (CEDP).

CCT

Vanderlan presidiu a Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) em 2019 e foi responsável por destravar inúmeras matérias em tramitação na Comissão. A todo, mais de 500 matérias foram distribuídas para relatoria e cerca de 20 audiências públicas realizadas. Um dos destaques da CCT, foi a aprovação do Projeto de Lei Complementar Nº 79/2016, conhecido como Lei da Banda Larga.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here