“Mais transmissível, mais rápida e mais grave”, diz CDC

0
203

“A variante Delta do coronavírus pode causar sintomas mais graves da Covid-19 e infecta tão facilmente quanto a varicela”. Essas informações constam em um documento interno dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos, publicado pelo jornal americano The Washington Post.

De acordo com o relatório analisado pelo jornal americano, as conclusões da nova pesquisa do CDC é de transmitir as pessoas que as vacinas são a melhor forma de evitar o aumento de hospitalização e óbitos quando se trata da variante delta.

Ao mesmo tempo, pessoas totalmente vacinadas podem disseminar a variante Delta na mesma proporção que pessoas não vacinadas. The Washington Post relata que, o documento do CDC desempenha um grande papel na orientação do uso de máscara, onde a recomendação é que as pessoas totalmente vacinadas usem máscaras em ambientes fechados, pois são considerados áreas “substancial” e de “alta” transmissão.

Também relata que as vacinas não são tão eficazes em pacientes imunocomprometidos e em idosos, indicando que esses pacientes podem vir a precisar de uma dose adicional da vacina. Mesmo assim, documento inclui a luta da agência para fazer com que o público adote protocolos de segurança, como usar máscaras e tomar vacina.

Mesmo com a descoberta de que pessoas vacinadas podem transmitir o vírus e de que pessoas com a imunidade mais baixa podem ter sintomas mais graves. O documento do centro afirma que vacinas continuam com alta proteção na população em gera, tendo mais de 90% de eficácia contra doença severa e mortes pela delta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here