Educação em Foco | Horta Escolar leva mais sabor e saúde para escolas

0
288

Fabiola Rodrigues

Projeto Horta Escolar está com visitas às instituições educacionais da Prefeitura de Goiânia, para estimular as crianças sobre a importância da alimentação saudável, a sustentabilidade e a educação ambiental. As ações estão sendo promovidas semanalmente com oficinas de plantio. 

Ao todo, 260 unidades são atendidas pelo projeto, que é desenvolvido pela Gerência do Programa de Alimentação Escolar da Secretaria Municipal de Educação (SME). Durante as visitas às instituições de ensino, os técnicos do projeto realizam palestras lúdicas, levam mudas de hortaliças e orientam sobre o cuidado com a terra e o plantio. 

Couve, cebolinha, coentro, salsa, pimenta de cheiro, acelga, alface e muitas outras hortaliças enriquecem a merenda escolar dos alunos.

Lançado Cursos a distância para professores da Educação I

O Ministério da Educação (MEC) lançou um conjunto de novos cursos a distância para professores da Educação Infantil. Serão disponibilizadas 200 horas de conteúdos e sugestões de atividades de forma gratuita para professores de creches e pré-escolas. 

Os conteúdos e recursos pedagógicos estarão organizados em seis módulos: Conhecer-se e Expressar; Conviver; Participar e Explorar; Brincar; Comunidade Escolar; e Famílias: mãos entrelaçadas. Cada módulo é formado por um convite à reflexão, um embasamento teórico e atividades sugeridas aos professores.

As inscrições para os cursos já estão abertas. Os módulos serão disponibilizados gradativamente, entre outubro e novembro. Serão ofertados aspectos teóricos e práticos da Educação para esse segmento dos alunos, a partir da nova Base Nacional Comum Curricular. 

O público-alvo da formação são os 593 mil professores das redes pública e privada que atuam em creches e pré-escolas. Os cursos serão publicados no ambiente virtual de formação do ministério, Avamec. Atualmente, o sistema utilizado pelo MEC conta com 1,1 milhão de usuários e 148 cursos.

Fundação Lemann homenageia educadores

O Brasil tem 2,2 milhões de professores na Educação Básica, segundo o Censo da Educação Básica 2020. Pensando nas histórias e trajetórias únicas desses profissionais e na conexão diária dos educadores com crianças e jovens, o que permite a construção de conhecimento, sonhos e potências, a Fundação Lemann, com apoio da Conectando Saberes, lançou a campanha #CoisadeProf, olhando para os homenageados tanto como singulares quanto como plurais. Durante todo mês de outubro, internautas contam histórias divertidas, emocionantes e inspiradoras sobre seus professores nas redes sociais, estimulados pela campanha da Fundação.

E para fechar o mês dos professores, a Fundação Lemann promoverá uma live com educadoras, líderes e parceiras de várias partes do país para dialogar sobre os múltiplos aspectos da retomada das aulas presenciais. O debate sobre as perspectivas do professor do futuro ocorrerá no dia 28 de outubro, quinta-feira, às 17h, e será transmitido nas redes sociais da Fundação Lemann.

Estudantes especiais recebem atividades interativas

Dia de confraternização e aprendizado entre os alunos surdos e profissionais da Rede Municipal de Educação. O momento de interação foi realizado na Escola Municipal Alexandre Pereira Lima, em Senador Canedo, com apresentações, bingo e demais atividades de interação. Os estudantes surdos são acompanhados por intérpretes, profissionais com formação específica e continuada, responsáveis por atenderem as especificidades e mediar as ações pedagógicas aos alunos.

Fica está de volta

O Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica) está de volta de forma presencial em 2021. Neste ano, o evento será realizado em formato híbrido e também com participações remotas. Ele vai ocorrer entre 14 e 19 de dezembro, no seu tradicional berço, a cidade de Goiás. No ano passado, o evento foi realizado apenas no formato digital, por conta da pandemia de covid-19. Em 2019, o Governo Estadual substituiu o Fica pelo Festival de Goyaz. 

FESTIVAL EM FORMATO HÍBRIDO 

Segundo o Governo Estadual, as exibições serão feitas pelo site do festival: http://www.fica.go.gov.br/ e no YouTube da Secult. As demais atividades, além dos shows, ocorrerão de forma presencial. Ainda não foram divulgados detalhes sobre a programação de 2021.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here