Alego Ativa realizou quase 30 mil atendimentos em 2021

0
139
Foto: Divulgação/Alego

O programa itinerante Alego Ativa foi retomado em setembro de 2021, após interrupção por um ano e meio, em razão da pandemia do covid-19. Foram quatro edições, realizadas, sucessivamente, nos municípios de Goianira, Morrinhos, Jataí e Hidrolândia. Os eventos contabilizaram 29.072 atendimentos sociais, de acordo com o balanço divulgado pela Diretoria de Assuntos Institucionais da Assembleia Legislativa, responsável pela execução do projeto.

O programa Alego Ativa é uma iniciativa da Mesa Diretora da 19ª Legislatura, presidida pelo deputado Lissauer Vieira (PSB), e tem como objetivo atender às demandas imediatas da comunidade local e ampliar a representatividade do Parlamento goiano com a sociedade. O projeto leva aos municípios frentes de serviços nas áreas jurídica, de saúde e capacitação profissional, com o apoio de 39 instituições públicas e privadas parceiras.

As quatro edições do Alego Ativa em 2021 registraram muitos atendimentos, de diversos tipos, a pessoas da mesma família. O sentimento relatado pela população das regiões por onde o programa desembarcou foi de gratidão. “O atendimento do Alego Ativa é nota dez. Uma maravilha!”, frisou Maria Lazmarie Ferreira, de 65 anos, trabalhadora rural e moradora do município de Jataí, durante a 11ª edição do programa. Acompanhada do seu pai, de 94 anos de idade, e da neta, de oito, realizou atendimentos médicos nas especialidades de cardiologia e oftalmologia, foi ao dentista e emitiu, ainda, a segunda via de sua carteira de identidade. “Vocês deveriam voltar todos os anos. Aqui tem muita gente carente que precisa muito desses atendimentos. Para nós, um evento desse não tem preço”, ressaltou a moradora.

Outro exemplo é o da dona de casa Ivone Pinheiro, de 46 anos, e seus filhos Andressa, de 18 anos, e do filho André, de 14 anos, que buscaram atendimento oftalmológico, participaram de cursos profissionalizantes, emitiram documentos e doaram sangue. “Eu moro aqui desde que nasci e nunca vi um evento com tantos serviços e opções de cursos sendo realizado aqui. Me recordo de outros dois mutirões parecidos com esse, mas nenhum tão grande e completo”, relatou Ivone, que nasceu e cresceu em Hidrolândia.

O programa oferece diversos serviços, como a emissão de Carteira de Identidade, Carteira de Trabalho, Cadastro de Pessoa Física (CPF), Passe Livre da Pessoa com Deficiência, Passaporte do Idoso, primeira e segunda vias de Registro Civil de Nascimento e Casamento. Também são promovidas consultas oftalmológicas, de pediatria, cardiologia, dentista, dermatologista, psicologia, coleta de sangue para doação, acupuntura, auriculoterapia, dentre outras especialidades.

Além disso, o evento conta, ainda, com apresentações culturais, cortes de cabelo, recreação para as crianças, distribuição de mudas de espécies nativas do Cerrado (visando a preservação do meio ambiente), consulta ao SPC, negociação de débitos e atendimentos do Vapt Vupt. Também são ofertados cursos de capacitação e aperfeiçoamento, como de oratória, primeiros socorros e empreendedorismo.

Sucesso itinerante

O presidente Lissauer Vieira destacou o sucesso das quatro edições do Alego Ativa realizadas em 2021, com a afirmativa de que o programa terá continuidade em 2022. “Esses quase 30 mil atendimentos demonstram o nosso propósito com esse projeto, que é aproximar cada vez mais o Legislativo das pessoas, indo até quem precisa e fazendo a diferença naquela comunidade”.

Na edição de Hidrolândia, por exemplo, mais de 100 alunos de cursos profissionalizantes atendidos na ocasião receberam crédito de incentivo no valor de R$ 1,3 mil por meio da Secretaria da Retomada (SER). Segundo Lissauer, a iniciativa reforça o objetivo da Casa de Leis de contribuir, com ações práticas e efetivas, para o estímulo à criação de novas vagas de trabalho, fomento das atividades econômicas e evolução da economia goiana.

O presidente do Legislativo goiano parabenizou a iniciativa do governador Ronaldo Caiado (DEM) de criar a Secretaria da Retomada para estimular o empreendedorismo, a capacitação profissional e o resgate da economia local, com ações como essa de incentivo de crédito para iniciantes. “O Governo de Goiás é pioneiro nesse processo de retomada da economia, pós-pandemia de covid-19, com incentivo de crédito empreendedor para auxiliar na retomada econômica das famílias goianas. Poder fazer parte dessa história é gratificante porque estamos devolvendo às pessoas o desejo de sonhar e progredir”.

A 13ª edição, e primeira do ano de 2022, será realizada no município de Novo Gama, no Entorno de Brasília, no fim de janeiro. “Nossa expectativa já é alta, pois sabemos que é uma região populosa e que anseia por esses serviços. Continuaremos buscando parcerias de sucesso para levar cada vez mais benefícios à população”, enfatizou Lissauer.

As quatro edições foram realizadas seguindo protocolos de biossegurança para evitar a disseminação do novo coronavírus. “É importante salientar que, em todas as edições, por todos os municípios em que passamos após a retomada, não houve nenhum problema relacionado ao aumento do número de casos de covid-19”, frisou o assessor da Diretoria de Assuntos Institucionais da Assembleia Legislativa, diretor de Relações Institucionais da Federação do Comércio (Fecomércio), e idealizador do Alego Ativa, Simeyzon Silveira.

Edições

Em sua retomada, o Alego Ativa realizou na 9ª edição, em Goianira, na Região Metropolitana da Capital, 7.649 atendimentos distribuídos em 57 serviços. Os atendimentos foram realizados de forma gratuita e simplificada, em uma estrutura montada às margens do Lago Municipal Umberto Donato Ialace. Dentre eles, as diversas especialidades na área de Saúde foram destaque, como consultas pediátricas, odontológicas, oftalmológicas e psicológicas.

Também foi disponibilizada a aplicação da vacina contra a covid-19, bastante procurada pela comunidade. Outros atendimentos de grande demanda estavam voltados à emissão de documentos e assessoria jurídica. Houve, ainda, coleta para doação de sangue pelo Hemocentro, vacinação antirrábica para animais, apresentações culturais, cortes de cabelo, cadastramento para vagas de estágio, palestras, dentre outros serviços.

Em Morrinhos, a 10ª edição e segunda após retomada, contabilizou 4.881 atendimentos à população da região, de acordo com o balanço divulgado pela Diretoria de Assuntos Institucionais. Foram destaques da edição as consultas odontológicas, que contaram, conforme o levantamento, com 245 atendimentos, e a especialidade de oftalmologia. Uma das parceiras da Casa de Leis no projeto, a Fundação Banco de Olhos de Goiás (Fubog) realizou 200 atendimentos no município.

A população também recebeu da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Semad) 350 mudas de espécies nativas do Cerrado, uma ação que reforça o compromisso da Assembleia com o cuidado ambiental. Outro benefício de destaque diz respeito aos cursos de capacitação profissional. Na edição de Morrinhos, 289 atendimentos foram realizados.

A 11ª e maior edição do programa foi realizada em Jataí, na região Sudoeste do estado. No local, foram realizados diversos serviços de assistência social, que contabilizaram 9.123 atendimentos. Foram 67 frentes de serviços também nas áreas jurídica, de saúde e capacitação profissional, levadas ao município, com o apoio das 39 instituições parceiras do programa.

Filho carinhoso e dedicado de Jataí, o deputado Zé Carapô também comemorou a diversidade de atendimentos oferecidos no Alego Ativa de Jataí, com destaque para a importância desses serviços em contribuição com o bem-estar dos jataienses. “Isso mostra que a Assembleia tem uma atuação forte em todo o estado de Goiás e, na nossa cidade não é diferente. Fizemos questão de levar essa megaestrutura para atender, da melhor forma possível, com todo o carinho, a nossa comunidade”, ponderou o parlamentar.

A 12ª e última edição do ano de 2021 aconteceu em Hidrolândia. Em clima de natal, foram realizados, durante todo o dia, 5.633 serviços, distribuídos mil brinquedos e 786 atividades de recreação para crianças que compareceram ao evento, totalizando 7.419 atendimentos. Ao todo, foram oferecidas aos moradores da cidade e municípios vizinhos 69 frentes de trabalho. “Encerramos o ano com a sensação de missão cumprida, no sentido de resgate social e fortalecimento da economia do estado”, destacou Lissauer Vieira, durante o evento.

As edições do Alego Ativa contam com a realização de uma audiência pública para registrar demandas apresentadas pelos moradores da cidade e lideranças políticas locais e regionais. Em Hidrolândia, a mesa dos trabalhos foi formada pelos deputados Lissauer Vieira, Virmondes Cruvinel (Cidadania), Amauri Ribeiro (Patriota), dentre outras autoridades.

Cruvinel comemorou a realização do evento em Hidrolândia. “O Alego Ativa é uma inovação da Mesa Diretora dessa 19ª Legislatura, comandada pelo presidente Lissauer, e tem realizado um trabalho de unidade, simplicidade, seriedade e respeito ao cidadão. Obrigado, Lissauer, por esse dia histórico de transformação social e dignidade dedicado à nossa população. Parabéns pelo projeto e obrigado por honrar essa cidade com ações e benefícios sociais”.

Os parlamentares estaduais garantiram que farão todo o esforço possível para atender às reivindicações e levar os benefícios solicitados. Nessa perspectiva, Simeyzon Silveira frisou que o Alego Ativa leva multibenefícios, não somente à população, mas também aos municípios, que têm suas principais demandas olhadas de perto pelos parlamentares e representantes do Governo. “É um evento muito completo, que oferta uma gama de atendimentos gratuitos ao público, em diferentes áreas. Além, ainda, de ser uma oportunidade para ouvir, in loco, as lideranças da região”, arrematou.

As edições anteriores ao ano de 2021 aconteceram nos seguintes municípios: Acreúna (1ª edição, em maio de 2019), São Simão (2ª edição, em junho de 2019), Luziânia (3ª edição, em agosto de 2019), Alvorada do Norte (4ª edição, em setembro de 2019), Catalão (5ª edição, em outubro de 2019), Anápolis (6ª edição, em novembro de 2019), Niquelândia (7ª edição, em dezembro de 2019), Itapuranga (8ª edição, em fevereiro de 2020).

Instituições parceiras

O programa Alego Ativa conta, atualmente, com 39 parceiros, dentre eles a Associação Goiana dos Municípios (AGM), Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-GO), Fundação Banco de Olhos, Fecomércio, Federação das Câmaras dos Dirigentes Lojistas (FCDL), Secretaria de Desenvolvimento Social (Seds), Secretaria de Estado da Educação (Seduc), Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa).

E, ainda: Secretaria de Estado da Saúde (SES-GO), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Federação da Agricultura do Estado de Goiás (Faeg), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Conselho Regional de Medicina do Estado de Goiás (Cremego), Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás, Centro Estadual de Referência em Medicina Integrativa e Complementar (Cremic), Vapt Vupt, Universidade Universo, Agência Goiana de Defesa Agropecuária (Agrodefesa), Comando de Ações do Cerrado, Tribunal de Contas dos Municípios (TCM-GO), Defensoria Pública do Estado de Goiás (DPE-GO), Polícia Civil do Estado de Goiás (PC-GO) e Polícia Militar do Estado de Goiás (PM-GO), dentre outros.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here