EDITAL

14º Concurso Goiás na Ponta do Lápis promovido pelo Jornal Tribuna do Planalto

DO CONCURSO

Art. 1° – O Jornal Tribuna do Planalto realiza de forma organizada, pública e transparente o Concurso Goiás na Ponta do Lápis desde o ano de 2003 sempre abordando temas atuais, relevantes e que despertam grande interesse coletivo, conquistando ao longo dos anos prestígio e reconhecimento em todo o Estado de Goiás.

Art. 2° – Fazem parte integrante deste Edital e suas respectivas retificações: o Guia do Professor, os formulários e demais comunicados, todos disponíveis no link: www.tribunadoplanalto.com.br/concurso.

DO OBJETO

 

Art. 3º – O 14º Concurso Goiás na Ponta do Lápis, produzido e organizado pelo Jornal Tribuna do Planalto, trará as modalidades de Desenho, “Foto-Grafia”, Redação (Produção Textual) e Vídeo, visando despertar nos estudantes o interesse por temas relevantes, atuais e de interesse coletivo, promovendo e incentivando a reflexão e o debate do assunto no ambiente educacional.

DO TEMA

 

Art. 4º – Os trabalhos concorrentes, de todas as categorias, deverão abordar o tema: “INOVAÇÃO COMO OPORTUNIDADE PARA OS JOVENS”

DO PÚBLICO-ALVO

 

Art. 5º – Poderão participar todos os estudantes regularmente matriculados no ensino fundamental ou médio, incluída a modalidade Educação de Jovens e Adultos – EJA, de escolas públicas (estaduais e municipais) ou privadas do interior do Estado de Goiás.

DAS CATEGORIAS

 

Art. 6º – O concurso irá selecionar e premiar os melhores trabalhos produzidos por categoria. As categorias com trabalho do tipo “Desenho”, “Fotos”, “Redação” e “Vídeos” fazem referência à série escolar do aluno. Os trabalhos serão divididos nas seguintes categorias:

 

Categoria – A

Desenho

Estudantes do 2º e 3º anos do Ensino Fundamental:

Gênero: Desenho Livre.

Categoria – B

“Foto-grafia”

Estudantes do 4º e 5º anos do Ensino Fundamental:

Gênero: “Foto-grafia” (Imagem fotográfica acompanhada de um relato).

Categoria – C

Produção Textual

Estudantes do 6º e 7º anos do Ensino Fundamental:

Gênero textual: Poema.

Categoria – D

Produção Textual

Estudantes do 8º e 9ºanos do Ensino Fundamental:

Gênero textual: Crônica.

Categoria – E

Produção Textual

Estudantes do Ensino Médio:

Gênero textual: Paródia.

Categoria – F

Produção Textual

Estudantes do Programa de Educação de Jovens e Adultos (EJA – Ensino Fundamental e Ensino Médio):

Gênero textual: Memórias.

Categoria – G

Vídeo

Produção de Vídeo por unidade escolar.

 

  • 1º – Apenas poderão concorrer nas categorias “A” e “B”, com trabalhos do tipo “Desenho” ou “Foto”, alunos matriculados na respectiva série escolar da categoria (do 2º ao 5º ano do Ensino Fundamental);

 

  • 2º – Apenas poderão concorrer nas categorias “C”, “D”, “E” e “F”, com trabalho do tipo “Redação”, obedecendo os gêneros textuais, alunos matriculados na respectiva série escolar da categoria (do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental, do 1º ao 3º do Ensino Médio e estudantes da Educação de Jovens e Adultos – EJA);

 

  • 3º – Podem concorrer na categoria “G” os estabelecimentos de ensino das redes privada ou publica (estadual e municipal), que desenvolverem a produção de “Vídeos”, atividade de mobilização e prática pedagógica coletiva, para debate do tema no ambiente escolar.

 

  • 4° – Exclusivamente para a categoria “G”, não haverá inscrições nem valor de qualquer taxa devendo ser seguido os procedimentos previstos no art. 16 e 17 deste edital (tópico “Do Vídeo”).

DA INSCRIÇÃO

Art. 7º– As inscrições deverão ser realizadas do dia 15 de maio até o dia 20 de junho do corrente ano, de forma obrigatoriamente ELETRÔNICA, no site do Jornal Tribuna do Planalto, mediante pagamento do valor de R$ 8,00 (oito reais) por aluno participante, a qual se processará da seguinte forma:

I – Na rede privada de ensino, as escolas do interior do Estado interessadas devem se cadastrar e através de login e senha, realizarem as inscrições, informando os nomes e o número de matrícula dos alunos participantes e suas respectivas categorias, por meio do endereço eletrônico: www.tribunadoplanalto.com.br/concurso

 

II – Na rede municipal de ensino do interior do Estado, caberá às unidades escolares vinculadas às Secretarias Municipais de Educação, se cadastrarem e através de login e senha realizarem as inscrições dos estudantes, informando os nomes e o número de matrícula dos alunos participantes e suas respectivas categorias, por meio do endereço eletrônico: www.tribunadoplanalto.com.br/concurso

III – Quanto à rede estadual de ensino, caberá às unidades escolares vinculadas à Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte, se cadastrarem e através de login e senha, realizarem as inscrições dos estudantes, informando os nomes e o número de matrícula dos alunos participantes e suas respectivas categorias, por meio do endereço eletrônico: www.tribunadoplanalto.com.br/concurso

IV – Não haverá inscrições realizadas diretamente por estudantes, devendo ser feitas somente na forma estabelecida nos incisos I, II e III, deste artigo.

V – Todas as informações inseridas no sistema eletrônico serão exclusivamente de responsabilidade das unidades escolares (redes pública, estadual ou municipal; e rede privada), sob pena de desclassificação.

VI – O prazo final para inscrição dos estudantes será o dia 20 de junho. O envio dos trabalhos se iniciará em 20 de junho e se encerrará em 29 de junho de 2018. O prazo final para pagamento da referida taxa de inscrição será dia 03 de agosto de 2018.

DAS ETAPAS

Art. 8° -A organizadora do certame adotou a divisão administrativa feita pelo Estado, no âmbito da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte – SEDUCE, utilizando-se da composição de municípios jurisdicionados dentro de cada uma das 40 Coordenações Regionais de Educação, Cultura e Esporte – CRECE’s, com objetivo de uma melhor gestão do presente concurso.

O concurso será realizado em três etapas. 

Art. 9º – O concurso será realizado em três etapas: 

  • 1°-Na primeira etapa (Inscrição, Realização dos Trabalhos e Envio), cada unidade escolar das instituições privadas do interior ou da Administração Pública (estadual e/ou municipal), no caso das escolas públicas, serão responsáveis pela inscrição dos estudantes, pelo acompanhamento na realização dos trabalhos, de acordo com o Edital do certame, e pelo envio das produções.

I- Após a realização das inscrições, as Unidades Escolares participantes, seja pública (estadual ou municipal) ou privada, deverão recolher todas as produções de todas as categorias dos inscritos e encaminhá-las à sede do Jornal Tribuna do Planalto no seguinte endereço Avenida T-11, nº 451, Ed. Fabbrica di Pizza, 3º Andar, Sala 303, Setor Bueno, Goiânia – Goiás – CEP 74.223-070, na forma abaixo:

 

IIInstituições privadas do interior do Estado – deverão recolher todos os trabalhos e encaminhá-los em malote único, diretamente para a sede do Jornal Tribuna do Planalto, no endereço citado acima.

IIIEscolas públicas estaduais – deverão encaminhar suas produções às respectivas Coordenações Regionais de Ensino, estas, por sua vez, enviarão em malote único os trabalhos de cada regional para a sede do Jornal Tribuna do Planalto.

 

IVEscolas municipais – deverão encaminhar suas produções para a respectiva Secretaria Municipal de Educação, que as enviará em malote único para a sede do Jornal Tribuna do Planalto, no endereço citado acima.

  • 2º – Na segunda etapa (Etapa Regional), a comissão julgadora formada pelo Jornal Tribuna do Planalto procederá o julgamento preliminar dos trabalhos enviados pelas escolas públicas (estadual e municipal) e privadas durante a primeira etapa, selecionando em cada uma das 40 regionais de ensino as DEZ melhores produções por categoria (A, B, C, D, E e F), classificando-as e premiando-as; exceto na categoria “G” (VÍDEO) onde a comissão indicará as três melhores produções, sendo estes, em ambos os casos, os vencedores da Etapa Regional.
  • 3° – Na terceira etapa (Etapa Estadual – Final), somente as produções classificadas em 1°Lugar de cada categoria (A, B, C, D, E e F) e as três melhores produções indicadas na categoria “G” em cada uma das 40 regionais de ensino, serão julgadas e classificadas em 1°, 2° e 3° Lugar, sendo estes os vencedores da Etapa Estadual – Final.

DO DESENHO

Art. 10 – Poderão concorrer com trabalho do tipo “Desenho” alunos inscritos na categoria “A”, que sejam estudantes do 2º e 3º anos do Ensino Fundamental.

Art. 11 – O desenho concorrente deverá respeitar os seguintes requisitos, sob pena de desclassificação:

  1. Ser realizado no ambiente de sala de aula;
  2. Ser confeccionado no formulário padrão, “Formulário de Desenho”, disponibilizado no endereço: tribunadoplanalto.com.br/concurso
  3. Conter todas as informações solicitadas no formulário padrão;
  4. Abordar o tema proposto;
  5. Ser realizado individualmente; e
  6. Ser obrigatoriamente inédito e original. Entende-se por inédita a obra não editada e não publicada (parcialmente ou em sua totalidade) em qualquer meio de comunicação. Entende-se por original a obra que é primitiva, que não foi copiada ou imitada.
  • 1º – Não há exigência quanto ao gênero artístico na produção do desenho.
  • 2º – O julgamento avaliará os critérios de fidelidade ao tema proposto e criatividade do trabalho, a criatividade do trabalho, a clareza no desenvolvimento das ideias e a correção ortográfica e gramatical do texto, caso haja e no que couber.

DA “FOTO-GRAFIA”

Art. 12 – Poderão concorrer com trabalho do tipo “Foto-grafia” alunos inscritos na categoria “B”, que sejam estudantes do 4º e 5º anos do Ensino Fundamental.

Art. 13 – As “Foto-grafias” concorrentes deverão respeitar os seguintes requisitos, sob pena de desclassificação:

  1. a)   Deverão ser apresentadas 2 (duas) fotografias por estudante devidamente relacionadas com o tema proposto. As “Foto-grafias” devem vir acompanhadas de um relato, obedecendo o número mínimo de 20 linhas.
  2. b)   Ser confeccionada no formulário padrão, “Formulário de “Foto-grafias”, disponibilizado no endereço:

www.tribunadoplanalto.com.br/concurso

  1. c)   As fotografias deverão ser impressas em papel fotográfico tamanho 10×15 cm e entregues em envelope;
  2. d) Conter todas as informações solicitadas no formulário padrão do link acima;
  3. e)   As fotografias devem ser inéditas e de autoria do próprio estudante e estar em consonância com a produção textual, que nesta categoria será de gênero textual livre.

Parágrafo Único – O julgamento avaliará os critérios de fidelidade ao tema proposto, a criatividade do trabalho, a clareza no desenvolvimento das ideias e a correção ortográfica e gramatical do texto, no que couber.

DA REDAÇÃO

Art. 14 – Poderão concorrer com trabalho do tipo “Redação” alunos inscritos nas categorias “C”, “D”, “E” e “F”, que sejam estudantes de 6º ao 9º anos do Ensino Fundamental; 1º ao 3º anos do Ensino Médio e alunos inscritos na Educação de Jovens e Adultos – EJA, Ensino Fundamental e Ensino Médio.

Art. 15 – A redação concorrente deverá respeitar os seguintes requisitos, sob pena de desclassificação:

  1. Ser realizada no ambiente de sala de aula;
  2. Ser confeccionada no formulário padrão, “Formulário de Redação”, disponibilizado no endereço: tribunadoplanalto.com.br/concurso
  3. Conter todas as informações solicitadas no formulário padrão;
  4. Ter no mínimo 20 (vinte) e no máximo 40 (trinta) linhas (o título do texto não contará como linha);
  5. Abordar o tema proposto;
  6. Ser realizada individualmente, obrigatoriamente inédita e original. Entende-se por inédita a obra não editada e não publicada (parcialmente ou em sua totalidade) em qualquer meio de comunicação. Entende-se por original a obra que é primitiva, que não foi copiada ou imitada.
  • 1º – Na produção das redações os estudantes devem obedecer os gêneros textuais estabelecidos para cada categoria.
  • 2º- O julgamento avaliará os critérios de fidelidade ao tema proposto, a criatividade do trabalho, a clareza no desenvolvimento das ideias e a correção ortográfica e gramatical do texto, no que couber.

DO VÍDEO

Art. 16 – Poderão concorrer na categoria “G”, com trabalhos do tipo “Vídeo”, escolas da rede pública (estadual e/ou municipal) ou privada do interior do Estado que desenvolverem suas produções em “Vídeo“ como atividade de mobilização e prática pedagógica coletiva.

Art.17– Considerando o tema proposto a produções deverão ser relatadas no formato de “Vídeo”, que deverão respeitar os seguintes requisitos, sob pena de desclassificação:

  1. Os vídeos têm a particularidade de ser uma produção coletiva, envolvendo a comunidade escolar;
  2. Cada unidade escolar deve selecionar e encaminhar APENAS uma produção em mídia física (CD ou DVD), no formato AVI ou MKV;
  3. Os vídeos devem ter duração máxima de 5 (cinco) minutos;
  4. O título deve ser apresentado no início e os créditos ao final do vídeo [nome da unidade escolar, município, nome(s) do(s) professor(es)/orientador(es), nomes dos estudantes participantes e suas respectivas funções na produção];
  5. Os gêneros aceitos serão: ficção, documentário, videoclipe e animação;
  6. Os vídeos serão classificados seguindo os critérios de originalidade, ineditismo e pertinência ao tema.
  7. Cada unidade escolar interessada nesta modalidade deverá, após a escolha da melhor produção, gravar cópia em mídia física (CD ou DVD) e encaminhá-la à sede do Jornal Tribuna do Planalto no seguinte endereço Avenida T-11, nº 451, Ed. Fabbrica di Pizza, 3º Andar, Sala 303, Setor Bueno, Goiânia – Goiás – CEP 74.223-070

Parágrafo Único – O julgamento levará em conta a fidelidade ao tema proposto pelo concurso, a criatividade e a efetividade das ações de mobilização desenvolvidas pela escola.

DO ENVIO DOS TRABALHOS

Art. 18 – O envio das produções será via malote, durante o período de 20 de junho à 29 de junho de 2018, para a sede do Jornal Tribuna do Planalto no endereço situado na Avenida T-11, nº 451, Ed. Fabbrica di Pizza, 3º Andar, Sala 303, Setor Bueno, Goiânia – Goiás – CEP 74.223-070

DO JULGAMENTO

Art. 19 – Os trabalhos apresentados serão analisados por Comissão Julgadora, a ser indicada e selecionada pelo Jornal Tribuna do Planalto.

Art. 20 – A Comissão Julgadora será soberana para eleger, dentre os trabalhos desenvolvidos em cada categoria, selecionando os melhores trabalhos conforme metodologia que julgar adequada, respeitando-se os critérios de julgamento citados neste edital.

Art. 21 – A Comissão Julgadora não se responsabilizará pelo não recebimento da inscrição enviada pelas instituições participantes, bem como por qualquer impossibilidade de participação em razão de falhas ou erros de envio ocasionados por problemas no provedor de Internet utilizado, no próprio site ou por impossibilidade de leitura do arquivo.

Parágrafo Único – A Comissão Julgadora também não se responsabilizará por trabalhos enviados danificados que impossibilitem a leitura, análise ou a identificação do aluno participante ou da instituição inscrita, bem como por qualquer outra forma que contrarie as disposições deste edital e demais documentos a ele relacionados, emitidos pela organizadora do certame, estando sujeitos a desclassificação.

DOS PRÊMIOS

Art. 22–ETAPA REGIONALA organizadora do presente certame optou, para a definição das 10 (dez) melhores produções por categoria, utilizar-se da divisão administrativa feita pelo Estado, no âmbito da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte – SEDUCE, nas 40 Coordenações Regionais de Educação, Cultura e Esporte – CRECE’s, com objetivo de uma melhor gestão do julgamento e premiações.

  • 1° – As 10 (dez) melhores produções por categoria, definidas pela comissão julgadora nesta etapa, serão classificadas e premiadas na forma a seguir (exceto a categoria “VÍDEO”, onde a Comissão indicará apenas as três melhores produções):

DESENHOS (A), “FOTO-GRAFIAS” (B) E PRODUÇÕES TEXTUAIS (C, D, E e F)

1o Lugar

(Por categoria)

Bicicleta, Certificado de Participação e Medalha de Ouro.
2o Lugar

(Por categoria)

Certificado de Participação e Medalha de Prata;
3o Lugar

(Por categoria)

Certificado de Participação e Medalha de Bronze;
Do 4º ao

10º lugares

(Por categoria)

Certificado de Participação e Medalha de Honra ao Mérito. 


VÍDEO (G)

Os três melhores Vídeos na fase regional Estatueta de premiação da categoria Vídeo e Certificado de Participação.

 

  • 2°- Os professores dos estudantes premiados, indicados no formulário padrão adotados para cada tipo de produção, receberão Certificado de Participação.

Art. 23 – ETAPA FINAL–Nesta etapa a Comissão Julgadora reavaliará e julgará as produções dos alunos selecionados em 1° Lugar de cada categoria na etapa regional, indicando as três melhores produções e sua ordem de classificação, na forma das tabelas 01 e 02 abaixo:

Tabela 01

DESENHOS (A), “FOTO-GRAFIAS” (B) e PRODUÇÕES TEXTUAIS (C, D, E e F)

1o lugar

(Por categoria)

Um Notebook¹, uma Bolsa de Estudos Integral², um fim de semana³ na Cidade de Caldas Novas – Goiás com direito a acompanhante, Certificado de Participação e Medalha de Ouro.
2o lugar

(Por categoria)

Um Tablet¹, uma Bolsa de Estudos² com 80% de desconto, Certificado de Participação e Medalha de Prata.
3o lugar

(Por categoria)

Um Smartphone¹, uma Bolsa de Estudos²com 60% de desconto, Certificado de Participação e Medalha de Bronze.

1 – Os professores dos estudantes classificados em 1º, 2º e 3º lugares de cada categoria também recebem como prêmios Notebook, Tablet e Smartphone, conforme premiação dos estudantes

2 – As bolsas de estudos serão oferecidas somente aos alunos do Ensino Médio regular e da modalidade de Educação de Jovens e Adultos – EJA, dentro dos cursos de Graduação disponíveis oferecidos pela Faculdade Sul-Americana – FASAM, exclusivamente no Polo de Goiânia no turno matutino, seja integral ou parcial de 80% e 60% de desconto. Exceto o curso de Odontologia.

3 – O período compreenderá com check-in às 12:00 h de sexta-feira e check-out às 12:00 h do domingo, em data a ser definida pela organizadora do certame após o evento de premiação final e previamente comunicado aos respectivos premiados, com pontos de partida e chegada na cidade de Goiânia-Go. Serão premiado o aluno e o professor orientador, classificados em 1° lugar de cada categoria, ambos com direito a acompanhante, translado de Goiânia/Caldas Novas e Caldas Novas/Goiânia e hospedagem, com café da manhã incluso.

Tabela 02

VÍDEO (G)

1o lugar Um Datashow¹ para a unidade escolar.
2o lugar Um Televisor 42” (ou compatível) ¹ para a unidade escolar.
3o lugar Uma Câmera Fotográfica DigitalSemiprofissional¹para a unidade escolar.

1 – Todos os prêmios da categoria VÍDEO serão de marcas e modelos disponíveis no mercado.

DO RESULTADO E PREMIAÇÃO

Art. 24 – Os resultados e os eventos de premiação da Etapa Regional serão divulgados no site da Jornal Tribuna do Planalto no endereço eletrônico:www.tribunadoplanalto.com.br/concurso e realizados em cada uma das 40 regionais, com previsão para a data de 03 a 27 de setembro de 2018.

Art. 25 – Os resultados da Etapa Final do concurso serão divulgados no site do Jornal Tribuna do Planalto, no endereço eletrônico:www.tribunadoplanalto.com.br/concurso, com previsão para a data de 03 de outubro de 2018.

PREMIAÇÕES REGIONAIS

Art. 26 –A critério do Jornal Tribuna do Planalto, as premiações regionais ocorrerão no período de 03 de setembro a 27 de setembro de 2018, em locais a serem definidos, e informados previamente as partes interessadas.

PREMIAÇÃO FINAL

Art. 27 – A premiação final ocorrerá no dia 03 de outubro de 2018. Na festa de premiação final, o Jornal Tribuna do Planalto fica responsável pela aquisição e entrega dos prêmios e pela organização do cerimonial.

  • 1°- Os alunos, professores, escolas e demais pessoas envolvidas no concurso serão previamente comunicados pelo Jornal Tribuna do Planalto sobre informações detalhadas acerca da premiação, por meio de divulgação no endereço eletrônico: www.tribunadoplanalto.com.br/concurso
  • 2° – As Instituições participantes ficarão responsáveis, a suas expensas, pelo transporte dos alunos premiados e demais pessoas envolvidas até o local da premiação, nas datas e horários determinados pela organizadora do Concurso.

Art. 28 – Os prêmios terão sua transferência de titularidade, ao vencedor ou ao seu responsável legal, mediante assinatura de termo de quitação e entrega do prêmio. A garantia dos equipamentos será aquela ofertada por seu fabricante.

DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

Art. 29 – Todas as informações relativas a este concurso, tais como: Edital do 14° Concurso Goiás na Ponta do Lápis e suas possíveis retificações, formulários de realização dos trabalhos, endereço eletrônico para inscrição das escolas, Guia do Professor e material de divulgação, estarão disponíveis no portal do Jornal Tribuna do Planalto, no link:www.tribunadoplanalto.com.br/concurso

 Art. 30 – Estão impedidos de participar do concurso os membros da Comissão Julgadora, bem como seus parentes em linha reta, colateral ou afim, até o terceiro grau.

Art. 31 – Serão desclassificados os trabalhos que não se enquadrarem no tema, nas especificações deste edital, bem como aqueles decorrentes de plágio ou fraude, e ainda os enviados em desconformidade com os dados de inscrição.

Art. 32 – Com exceção dos trabalhos premiados, todo o material enviado ao Jornal Tribuna do Planalto via sistema eletrônico, bem como todo material físico encaminhado via malote à sede do Jornal em Goiânia-Go, serão descartados após o prazo de 90 dias da data de divulgação do resultado final do 14º Concurso Goiás na Ponta do Lápis, caso não sejam retirados antecipadamente junto à sede do Jornal.

Art. 33 – A inscrição no concurso implica autorização tácita do autor ou do responsável legal para utilização, a título universal, definitivo e gratuito, ao público em geral, de todo e qualquer tipo de comunicação, divulgação, veiculação e publicidade/ promoção relativamente ao seu nome, imagem, voz e trabalho produzido, em qualquer meio, incluindo impressos e eletrônicos, desde que vinculado ao 14º Concurso Goiás na Ponta de Lápis produzido e organizado pelo Jornal Tribuna do Planalto, em qualquer uma de suas categorias.

Art. 34 – Os casos omissos serão resolvidos pela Organizadora do Certame.

SEBASTIÃO BARBOSA

Diretor Presidente

 

Mais informações:

Gerência de Projetos

concurso@tribunadoplanalto.com.br

  

Avenida T-11, nº 451, Ed. Fabbrica di Pizza, 3º Andar, Sala 303, Setor Bueno

Goiânia – Goiás – CEP 74.223-070 – Telefone: (62)3434-1516