Tribuna do Planalto

Desde 1986 Fundador e Diretor-Presidente Sebastião Barbosa da Silva tribunadoplanalto.com.br
Ano 29 - Nº 1.451 Go­i­â­nia, 28 de setembro a 4 de outubro de 2014
 
Banner
escola

Escola

Férias escolares

  • PDF

Leia mais...

As férias escolares chegaram, e nada melhor do que uma boa diversão para relaxar após o primeiro semestre de estudos. Para quem planeja se divertir nesse período, opções não faltam. Já nos dias 2 e 3 de julho, das 8h30 às 17 horas, o Sindicato dos Trabalhadores do Sistema único de Saúde no Estado de Goiás terá várias atividades para a meninada de 5 a 14 anos. A 14ª edição da Colônia de Férias do Sindsaúde vai oferecer um conjunto de opções que devem agradar crianças e adolescentes: playground, pula-pula, cama elástica, futebol, peteca, circuito de areia, e oficinas de arte estão entre algumas das opções oferecidas.
Os interessados em participar das atividades da Colônia de Férias devem realizar a inscrição na Sede do Sindi­saúde, localizado na Rua 26,  nº 411, no Jardim Santo Antônio, em Goiânia. Para participar, afiliados pagam R$ 20, e para não-filiados o valor é de R$ 15 reais. A inscrição dá direito a uma camiseta, café da manhã, almoço e lanche da tarde. Monitores vão ficar responsáveis por orientar e coordenar a meninada durante as atividades para garantir maior segurança.


 

Programe-se

Serviço: 14ª Colônia de Férias do Sindsaúde
Data: 2 e 3 de julho
Horário: 8h30 às 17 horas
Local: Sede recreativa do Sindsaúde (Rua 26, nº 411, Jardim Santo Antônio - Goiânia)
Público-alvo: Crianças/ adolescentes de 5 a 14 anos
Valor da inscrição: R$ 20 para dependentes de filiados e R$ 15 ara não-filiados

 


Teatro no Sesc

 

Para quem gosta do universo das artes, o Teatro Sesc está com uma extensa programação  entre os dias 1 e 16 de julho. A proposta inclui música, circo, dança, e também teatro. Uma das opções nas artes cênicas é a peça “Família Santiago Santos em ... Brinquedos, brincadeiras e outras Poesias”.  Nela, os palhaços Bulacha e Henriqueta Zabeta voltam aos bons tempos de infância a partir das lembranças dos brinquedos e brincadeiras populares.  
Na tentativa de mostrar para a filha, a pequena Chameleta, o funcionamento de brinquedos como o Traca-Traca, Pião, Biloquê, entre outros, Bulacha e Zabeta aprontam inúmeras peripécias.  Em meio a era digital, uma das apostas da peça é provocar uma reflexão crítica na plateia entre as novas e antigas formas de brincar. Outras informações sobre as atividades no Sesc podem ser obtidas no endereço eletrônico www.sescgo.com.br/ .


Programe-se

 

Serviço: Contação de histórias
Data: 6 de julho
Horário: 20 horas
Local: Rua 15 esq. com a Rua 19 no Centro de Goiânia
Público-alvo: Livre
Valor: R$ 10 a inteira, R$ 5 a meia entrada, e R$ 2 para comerciários e dependentes.

 

O teatro no cinema

  • PDF

Leia mais...

A Companhia de Teatro Carlos Moreira apresenta a famosa história de Nino, no Goiânia Shopping, no próximo dia 6, às 10h15. Nino é um garoto de 300 anos de idade que é aprendiz de feiticeiro. Ele  mora em um castelo com o tio cientista, Dr. Victor, e também com sua tia-avó, Morgana, uma feiticeira e também contadora de histórias. O menino possui diversos companheiros animais e sobrenaturais no castelo, nunca frequentou a escola e sente a falta de amigos como ele.
Um certo dia, Nino decide levar três crianças para morar com ele: Zeca, Pedro e Biba, afim de formar uma turma de amigos para fazer muita bagunça. O que eles nunca poderiam imaginar é que as travessuras   provocariam uma alteração da vida na floresta, a ponto dos animais começarem a se comportar de forma muito estranha.
Para contornar a curiosa situação, as crianças terão que buscar uma maneira de trazer o equilíbrio de volta para a floresta, e vão precisar contar com a ajuda de outros amigos, como a Caipora, personagem do Folclore Brasileiro; Penélope, e também o Dr. Abobrinha. Juntos eles vão ensinar às crianças o quanto é importante cuidar e proteger do meio ambiente para garantir um futuro melhor.
A apresentação do espetáculo faz parte do projeto “O Clubinho”, criado pelo Goiânia Shopping que, uma vez por mês, sempre aos domingos de manhã, leva uma peça infantil para dentro das salas de cinema.


Saiba mais

 

Peça “O Castelo do Nino”
Quando? Dia 6 de julho, às 10h15
Onde? Cinemas Kinoplex, Sala 4 – Goiânia Shopping, Piso 3
Quanto? Ingresso promocional a R$18 no site Curta Mais Por Menos
Ponto de troca: Na loja Harry’s (3° piso) ou na bilheteria do cinema (somente no dia do evento)

 

 

Língua Portuguesa comemora este ano oito séculos de existência

  • PDF

Leia mais...

Em poema de Olavo Bilac, a Língua Portuguesa é chamada de “Última flor do Lácio, inculta e bela;”. O entendimento desse verso exige que se tenha conhecimento do que seja Lácio: Trata-se da região da Península Itálica que envolve Roma e adjacências; Lácio é o berço do Latim. Então, as flores do Lácio seriam as Línguas provenientes do Latim, como Italiano, Espanhol, Romeno, Francês. O Português é a última delas.
Além disso, no verso de Bilac, é importante atentar para os adjetivos “inculta” e “bela”. Em que aspecto seria inculta a Língua do poeta? No sentido histórico, é claro! É que o Idioma de Camões não veio da Língua clássica de Cícero; ele derivou-se do Latim vulgar, que nasceu nas ruas, que se criou nas bocas de pessoas comuns e de soldados. Mais tarde, esse Latim do povo, em toda a Europa, deixou-se influenciar por inúmeras Línguas bárbaras; então, na Península Ibérica, um dos Latins bárbaros deu origem ao Galego Português, o embrião de nossa Língua.
É claro que o parágrafo acima é quase irresponsável; ele tenta, em poucas, palavras, resumir séculos. No entanto, a ideia é dizer que a Língua Portuguesa é bela porque é inculta. Sua beleza e sua existência decorrem da vida, da história.
Com isso, não se pretende criar a impressão de que estudar regras gramaticais seja inútil; a normatização da língua é uma artificialidade necessária. Na vida, enfrentamos situações formais que exigem um domínio padrão; por isso, as regras devem ser ensinadas na escola, não há dúvida. Assim, o conhecimento normativo é como aquele terno guardado que deve ser usado quando a situação exigir.
No entanto, conhecer a Língua é mais do que separar o sujeito do predicado.
Para vivenciá-la, é preciso saber, por e­xemplo, que, em 2014, a “última flor do Lácio” faz oito séculos. Há oitocentos a­nos, em 1214, o terceiro rei de Portugal, D. Afonso II, redigiu, em Galego Por­tu­guês, um testamento, que foi considerado o primeiro documento oficial redigido nessa Língua.
A data comemorativa é importante para promover nosso Idioma. Escolas, Instituições, Intelectuais devem aproveitá-la como ferramenta de estímulo à valorização da Língua Portuguesa.
É que a Língua funciona como espelho; conhecê-la é descobrir-se nela. Nesse sentido, é necessário redescobrir Camões, reapaixonar-se por Machado de Assis; é preciso revalorizar o Português. Uma forma de fazer isso é reinventar as dimensões estéticas e filosóficas dessa última flor.
Temos que nos vacinar contra o risco da instrumentalização do Idioma. Ele não serve apenas para pedir água! Ele não deve saciar apenas a sede do corpo! É com palavras que pronunciamos nosso nome na história; é com elas que encontramos nosso lugar no mundo!

Adriano Alves estudou Teologia, Direito e Letras. É professor de Gramática, Texto, Redação e Literatura em escolas e cursinhos de Goiânia

 

 

Brincadeira também ensina

  • PDF

Leia mais...

No mês das férias o aprendizado não vai parar. Crianças de 7 a 10 anos, dependentes de comerciários, poderão praticar várias atividades durante as férias da escola. O projeto do Sesc Goiás vai proporcionar a oportunidade das crianças aprenderem brincando. As atividades serão focadas nos programas do Sesc, levando educação, cultura, saúde, lazer e assistência.
As atividades vão ocorrer do dia 8 a 12 de julho no turno vespertino, sempre das 13h às 17h30, no Sesc Campinas, e no Sesc Universitário nos dias 15 a 19 de julho, também no mesmo horário. Em Campinas no sábado, 12, as atividades ocorrerão pela manhã das 8h às 12h. Os pais que não querem deixar os filhos em casa nas férias, mas sim participando do projeto deverão apresentar no ato da inscrição: certidão de nascimento da criança, carteira do Sesc de dependente atualizada, ficha de inscrição preenchida e cópia do comprovante de endereço com telefone.
A inscrição para o “Aprender Brin­cando” no Sesc Campinas deverá ser realizada na Central de Atendimentos da Unidade até o dia 3 de julho. Já para quem tem o interesse pela participação do projeto no Sesc Universitário, o período da inscrição vai até o dia 11 de julho. O valor cobrado pela inscrição é de R$25,00 e dois litros de leite longa vida. Outras informações pelo endereço eletrônico www.sescgo.com.br/.


Programação no Sesc Campinas

 

 

08/07 (terça-feira)
a Horário: 13h às 17h30
Apresentação do projeto aos pais e responsáveis
Entrega do material promocional
Formação das equipes
Tema do dia: Brincar com prazer (orientações sobre o tema)
Gincana esportiva
Lanche
Recreação na piscina
(a criança deve levar roupa de banho e toalha)

09/07 (quarta-feira)
Horário: 13h às 17h30
Apresentação de Arte Educação e orientações sobre o tema: Alimentação é saúde
Orientações sobre o tema: Segurança alimentar, desperdício e custo dos alimentos
Oficina de sanduíche natural
Apresentação de Arte Educação e orientações sobre o tema: O cuidado com a saúde da boca
Oficina: “Dentinho, a missão: uma verdadeira batalha contra as bactérias”
10/07 (quinta-feira)
Horário: 13h às 17h30
Visita institucional ao Ceasa / Lanche

11/07 (sexta-feira)
Horário: 13h às 17h30
Apresentação de Arte Educação e orientações sobre o tema: Sou amigo da Natureza
Gincana da saúde com o tema: Meio Ambiente (a criança deve levar roupa de banho e toalha)
Lanche
Oficina: “O luxo do lixo”

12/07 (sábado)
Horário: 8h às 12h
Café da manhã com pais/responsáveis e crianças
Abordagem do tema: Meio Ambiente e plantio da horta suspensa de verduras
Palestra: pais presentes, filhos saudáveis
Gincana da saúde (a criança deve levar roupa de banho e toalha)
O Sesc Campinas fica na Avenida Rio Grande do Sul, nº 123 - Setor Campinas, Goiânia.

 

 
Banner
Voce esta aqui Escola