skip to Main Content

Goiás inaugura novas instalações de tratamento e apoio a pacientes com diabetes

Governador em exercício Daniel Vilela entrega Centro Estadual de Atenção ao Diabetes (Cead) e Centro de Serviços Especializados (Cesesp) do HGG, ampliando acesso à saúde de qualidade.


Avatar Por Redação Tribuna do Planalto em 15/05/2024 - 12:30

Governador em exercício Daniel Vilela entrega Centro Estadual de Atenção ao Diabetes e Centro de Serviços Especializados do HGG

O Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), inaugurou nesta terça-feira, 14, as instalações do novo Centro Estadual de Atenção ao Diabetes (Cead) e Centro de Serviços Especializados (Cesesp) do Hospital Estadual Dr. Alberto Rassi (HGG). Com investimento de cerca de R$ 4,5 milhões, as novas instalações reúnem estrutura moderna em uma área de aproximadamente mil metros quadrados para atender mais de 3 mil usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) por mês.

A entrega foi feita pelo governador em exercício Daniel Vilela que falou sobre a melhoria do acesso à saúde para a população goiana. “O Governo de Goiás, sob a liderança e a determinação do governador Ronaldo Caiado, está investindo numa saúde de qualidade, oferecendo o que há de melhor, regionalizando o atendimento, não só aqui na Região Metropolitana, mas em todo o estado”, explicou Daniel .

Quinto país no ranking com o maior número de diabéticos, o Brasil tem quase 12% de sua população acometida pela doença. O secretário de Estado da Saúde, Rasível Santos, destacou que os serviços oferecidos pelo governo estadual colocam o paciente como prioridade. “Os pacientes recebem um cuidado aqui que não existe na iniciativa privada e que os planos de saúde não oferecem. Os pacientes têm acesso a uma estrutura de primeira qualidade e especialistas de renome”, citou.

Situado em sede alugada desde 2018, na Avenida Anhanguera, o Cead conta agora com espaço próprio, tendo ampliado a capacidade de atendimento em 50%. O local oferece abordagem multidisciplinar, com serviço de endocrinologia, enfermagem, nutrição, psicologia, fisioterapia, serviço social e podologia aos pacientes com diabetes.

Daniel Vilela também afirmou que o “Cead tem se destacado, inclusive nacionalmente, na luta contra o diabetes, na orientação, no amparo, essas pessoas que vivem uma dificuldade e que têm uma queda na sua qualidade de vida em razão dessa doença que ataca milhares de brasileiros”. Em seis anos, o Cead já realizou mais de 100 mil atendimentos ambulatoriais, 267 cirurgias metabólicas e 26.434 atendimentos multidisciplinares.

O Cead recebeu o nome de Dona Zezé Kajuru, mãe do senador Jorge Kajuru, falecida aos 61 anos por complicações causadas pelo diabetes. Presente na solenidade, o parlamentar agradeceu a homenagem e afirmou que a primeira unidade do tipo, criada há seis anos, serviu como referência a muitos estados brasileiros. “Seis senadores da República já vieram a Goiás para conhecer o trabalho, que servem como multiplicador para o país”, relatou ontem.

Cesesp

O Centro de Serviços Especializados (Cesesp) foi criado para aprimorar o atendimento ambulatorial do HGG e oferece, em sua estrutura, os serviços de hemodiálise para pacientes internados com indicação para realizar terapia dialítica até que haja disponibilidade de vagas em clínicas próximas à residência do usuário. O novo espaço também conta com leito-dia para atendimento de pacientes em acompanhamento da equipe de transplante de medula óssea e realização de pequenos procedimentos.

O coordenador técnico do Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech), organização social gestora do HGG, Marcelo Rabahi, citou a importância das inaugurações “ao entregar para a população saúde de excelência e aos profissionais da saúde uma condição de trabalho com dignidade”. O chefe do departamento de endocrinologia do HGG, Nelson Rassi, afirmou que as inaugurações dos centros históricos para “fazer parte da história da medicina goiana”.