skip to Main Content

Vereadores do Parlamento Jovem encerram trabalho

Por Redação - 20/11/2019

As 35 crianças e adolescentes eleitos vereadores de Goiânia por meio do Parlamento Jovem encerrarão seus trabalhos nesta quinta-feira, 21, com um almoço especial no Restaurante Popular e a tão esperada votação de projetos em plenário. Durante o projeto, idealizado pela vereadora Dra. Cristina (PSDB) e incluído permanentemente na agenda da Câmara, os jovens assistiram a palestras sobre o Legislativo e a política no Brasil. Depois, passaram pela experiência de uma eleição, realizada em parceria com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Criaram partidos, candidataram-se e votaram nas mesmas urnas eletrônicas usadas nos pleitos oficiais.

A posse dos 35 eleitos, de 14 escolas de Goiânia (13 municipais e uma particular) foi no último dia 4, quando elegeram os membros da Mesa Diretora e das Comissões Permanentes. Desde o primeiro dia das sessões, não houve falta de quórum. Eles se uniram para discutir os 31 projetos apresentados, a maioria sobre educação e saúde. Todos foram votados pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e pelas comissões específicas e, por fim, serão analisados em plenário nesta quinta-feira. O presidente da Câmara, Romário Policarpo, prometeu aos vereadores mirins que as melhores ideias serão apresentadas na Casa e poderão se tornar leis.

Dra. Cristina destaca a disposição das crianças para debater propostas que possam melhorar a cidade em que vivem. Para ela, os 35 jovens sairão da experiência mais capacitados para analisar propostas e votar no futuro, além das noções de cidadania. Isso se não decidirem seguir na política. “Esse projeto foi meu sonho por seis anos. Só agora, na gestão do presidente Policarpo, que obtive apoio para colocá-lo em prática. Foi maravilhoso ver essas crianças em ação e eu garanto que elas ainda darão muito o que falar”, afirma a vereadora. A coordenadora do projeto na Câmara, Ludmila Rosa, concorda com Dra. Cristina. Segundo ela, o nível de maturidade e comprometimento dos vereadores mirins chamaram a atenção desde o início. “Daqui sairão bons líderes políticos e, com certeza, eleitores mais conscientes”, ressalta.

 

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top