skip to Main Content

Agência de Saneamento cria novo protocolo para retirada de vazamento de água

Medida foi necessária devido ao aumento no número de vazamentos na cidade, ocorrido após a companhia resolver o problema da falta de água no município

Por Redação Tribuna do Planalto - 19/06/2022

Da redação

A Agência de Saneamento de Senador Canedo (Sanesc) está adotando um novo protocolo instrutivo padrão de remoção de vazamentos na cidade. O documento foi elaborado pela diretoria de engenharia juntamente com a diretoria operacional e tem como objetivo padronizar o trabalho de retirada de vazamento, dando ainda mais qualidade no serviço prestado à população.

A adoção dessa medida exigiu a aquisição de novos equipamentos que serão utilizados pela equipe operacional. Inicialmente já foram adquiridos instrumentos como compactador de solo tipo sapo, serra para cortar asfalto, novas retroescavadeiras, entre outros. Com isso a Sanesc visa melhorar ainda mais o trabalho executado na cidade.

O presidente da Agência, Cainã Teodoro, explicou que está havendo um considerável aumento nos pedidos de reparo de vazamentos. Ele conta que isso ocorre porque a cidade agora tem três vezes mais água do que tinha antigamente. “A atual gestão aumentou em cerca de 20 vezes a capacidade da captação Bonsucesso, duplicou as adutoras e energizou 100% do sistema. Com isso, aumentamos em três vezes a quantidade de água na cidade, e os locais que não recebiam água, ou recebiam com pouca pressão, passaram a operar próximo da capacidade máxima, fazendo com que as fragilidades da rede apareçam. Por esse motivo aumentaram os vazamentos. Mas o prefeito Fernando Pellozo já autorizou, e nós já determinamos, a formação de mais equipes de retirada de vazamento e a aquisição de equipamentos mais modernos”, analisa.

O diretor operacional, Arthur Moreira, responsável pelas equipes que estão nas ruas retirando os vazamentos, lembra que esse aumento demonstra algo positivo para a cidade, pois comprova que a água está chegando a locais onde antes não chegava. “A principal demanda do município, no início dessa gestão, era a falta de água. Então, se agora tem mais vazamentos, isso acontece justamente porque agora tem água. Antes não vazava tanto assim porque não tinha água. Resolvemos o problema da falta d’água e agora estamos resolvendo o problema dos vazamentos”, explica.

O encanador Bruno Alves foi um dos servidores que participaram do treinamento e elogia a iniciativa da Sanesc em normatizar o serviço. Bruno também concorda que a cidade tem muito a ganhar quando a agência treina e capacita seus servidores. “Isso pra gente é muito bom. Ajuda bastante o pessoal que trabalha na rua. Isso deixa a gente mais qualificado e poderemos prestar um serviço de mais qualidade”, comenta.

O gerente de projetos, engenheiro Paulo Sérgio, foi o responsável pela capacitação. Ele e sua equipe, juntamente com a equipe operacional, elaboraram o protocolo instrutivo padrão. Paulo explica que o objetivo final é a melhora do serviço prestado, tanto para o servidor quanto para a população. “Com esse protocolo nós estamos definindo toda uma metodologia de trabalho que passa a ser adotada em todo e qualquer procedimento de retirada de vazamentos. Assim, nós conseguimos ganhar eficiência no trabalho e criamos melhores condições para os servidores realizarem os serviços”, explica.

Back To Top