skip to Main Content

Novas economias oferecem boas chances de trabalho para jovens


Dhayane Marques Por Dhayane Marques em 09/06/2024 - 10:38

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

As economias emergentes estão abrindo novas oportunidades de carreira para os jovens brasileiros. Apesar do cenário atual de incertezas, altas taxas de desocupação e baixos salários, a rápida mudança no mercado de trabalho e as crises econômicas apresentam desafios significativos para a juventude. No entanto, pesquisas indicam que essas novas economias podem oferecer boas chances de inclusão para os jovens, desde que o Brasil atualize os cursos de Educação Profissional e Tecnológica (EPT) existentes no país.

A diretora do Centro de Educação, Trabalho e Tecnologia (CETT-UFG), Alethéia Cruz, argumenta que é urgente acelerar esse processo de atualização e expandir a formação para o trabalho da população juvenil. Ela destaca que as vagas de emprego para os jovens brasileiros nos próximos anos estarão nas chamadas novas economias: digital, verde, prateada, criativa e do cuidado. Atualmente, 12,3% dos cerca de 1,7 milhões de jovens entre 15-29 anos em Goiás estão desocupados.

A estruturação da Política Nacional da EPT, sancionada em 2 de agosto de 2023 (Lei 14.645), pode ser a solução para a expansão e a democratização dessa modalidade formativa. No entanto, até o momento, nenhuma ação foi tomada desde a promulgação da lei. Alethéia ressalta que o alinhamento da formação juvenil por meio da EPT às economias emergentes pode apoiar os jovens em sua trajetória para um futuro promissor. Ela enfatiza a necessidade de pensar na educação profissionalizante de modo a sintonizar os jovens com as novas economias emergentes.

Digital

Integra recursos digitais incorporados a diferentes cadeias de produção. É formada pelos profissionais de tecnologia e recursos digitais incorporados a diferentes cadeias de produção, como educação, saúde e marketing. Atuam na área engenheiros mecânicos, técnicos em manutenção robótica, prestadores de serviços para instalação, cientista de dados, desenvolvedor de big data, programador web, programador de jogos digitais e engenheiro de software. 

Verde

Engloba carreiras de produção, transformação e gestão de recursos naturais. Contribui para o bem-estar das sociedades combatendo os efeitos nocivos do processo de mudanças climáticas. Traz oportunidades em campos como energias limpas, turismo sustentável e agricultura. Nesta área, serão necessários especialistas em recursos hídricos, ecodesigners (que desenvolvem e produzem produtos sustentáveis), engenheiro de automação agrícola, cientista de dados agrícola, entre outros. 

Criativa

Compreende atividades artísticas e culturais, com potencial para criação de trabalho e riqueza por meio da geração e exploração de propriedade intelectual e aspectos criativos. Também chamada de economia laranja, engloba atividades artísticas e culturais com potencial para criação de trabalho e riqueza. Oferece oportunidades no campo das artes, turismo e audiovisual. As profissões da área abrangem, por exemplo, streamers de jogos, técnicos de som, pesquisadores de mercado e chefs de cozinha. 

Do cuidado

Abarca aqueles tipos de carreiras vinculados ao envelhecimento populacional na esfera do cuidado. Compreende as atividades de cuidado direto e indireto, em uma grande diversidade de serviços e profissionais como enfermeiros, cuidadores de idosos, empregados domésticos e babás. Também compreende a área da saúde, incluindo médicos, psicólogos, nutricionistas e instrutores físicos, e estética, como cabeleireiras e manicures. 

Prateada

Incorpora as atividades econômicas que têm como público consumidor as pessoas com 50 anos ou mais. Tem oportunidades em áreas como serviços, cuidados pessoais e saúde. A área tem profissionais como cuidadores de idosos. 

Na terra dos cristais

A 4ª edição da FAICRIS, que acontece de 26 a 29 de junho, em Cristalina, localizada na região do Entorno do DF, expandiu para 125 estandes, atraindo expositores e visitantes de outros estados. Além do setor imobiliário, o setor de concessionárias promete impulsionar as vendas. No ano passado, foram realizados R$ 44 bilhões de negócios em três dias de feira. A organização realizada pela Associação Comercial Agroindustrial de Cristalina (ACAIC) e Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), estima que a edição com quatro dias de feira possa atrair ainda mais negócios.

Lançamento Amarê

Na sexta-feira, 7, o Senac, o Sebrae e o Governo de Goiás lançaram a Amarê Fashion – Semana da Moda Goiana, no auditório da Fecomércio, em Goiânia. O evento, em sua terceira edição, visa fortalecer e movimentar os negócios do segmento de moda em Goiás, promovendo o desenvolvimento sustentável, a competitividade e o aperfeiçoamento técnico.

Amarê 2024

A Amarê Fashion 2024 será realizada entre os dias 7 e 10 de agosto no Centro Cultural Oscar Niemeyer, em Goiânia. O evento reúne diferentes atores do mercado da moda, desde confeccionistas e estilistas até produtores de algodão, contribuindo para o compartilhamento de insights e tendências, impulsionando negócios e promovendo o desenvolvimento do setor.

Oportunidades goianas

Goiás, embora não esteja entre os principais estados brasileiros que exportam para os Estados Unidos, apresenta grandes oportunidades de crescimento. O país está buscando novos investidores e os EUA estão interessados em atrair empresas e fornecedores de outros lugares do mundo, além da China. Este movimento, conhecido como “nearshoring”, abre uma janela de oportunidades para Goiás.

Exportações recordes

Os dados da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex Brasil) mostram um cenário positivo nas relações Brasil – Estados Unidos. Em 2024, as exportações brasileiras atingiram um recorde no primeiro semestre, com a corrente de comércio chegando a US$ 18,8 bilhões. Isso representa um crescimento de 19,5% em valor e 33,1% em volume em comparação ao mesmo período de 2023.

PIB americano

Ao analisar o Produto Interno Bruto (PIB), é importante notar que, entre os meses de outubro e dezembro do ano passado, o PIB dos EUA aumentou 3,3% na taxa anualizada. Durante todo o ano de 2023, o PIB do país norte-americano cresceu 2,5%. Estes dados indicam um mercado consumidor enorme, com muitas potencialidades, e devem empolgar os micro e pequenos empresários brasileiros que tenham interesse em criar relações com os Estados Unidos.

CoopsParty 2024

O CoopsParty 2024, o maior evento de inovação do cooperativismo brasileiro, será realizado pela primeira vez em Goiás, nos dias 18 e 19 de novembro, no Centro de Convenções da PUC GO. O evento reunirá gestores, cooperados e colaboradores de cooperativas, empreendedores, alunos, professores, dirigentes de universidades, investidores e fundadores de startups para discutir as principais tendências de inovação em processos produtivos, com foco no setor cooperativista.